Descubra como financiar um imóvel sendo autônomo

Tempo de leitura: 6 minutos

O número de pessoas que tomaram a decisão de empreender aumentou significativamente nos últimos anos. No entanto, por não possuírem uma renda fixa, saber como financiar um imóvel sendo autônomo se torna uma dúvida comum. 

Adquirir a casa própria ou investir na compra de um imóvel é algo que faz parte do sonho da grande maioria das pessoas. Porém, o processo de comprovação de renda pode ser muito burocrático, principalmente em casos onde o indivíduo não possua um faturamento mensal fixo.

A boa notícia é que existem maneiras viáveis de comprar uma propriedade e ter o seu financiamento aprovado, já que muitas instituições financeiras têm investido em estratégias que consigam abranger cada vez um número maior de pessoas.

Assim, no post de hoje iremos ver quais são as opções disponíveis e qual é o passo a passo de como financiar um imóvel sendo autônomo.

É possível financiar um imóvel sendo trabalhador autônomo?

Podemos dizer que o trabalhador autônomo é a pessoa que atua no mercado de trabalho sem possuir vínculo empregatício de qualquer tipo. Dessa forma, não era possível garantir uma renda fixa mensalmente, o que dificultava o acesso dessas pessoas ao financiamento.

Porém, devido às inúmeras mudanças que houveram no perfil do consumidor, os bancos se viram obrigados a transformar todo o processo e se abrir a novas possibilidades. 

Descubra como financiar um imóvel sendo autônomo

Assim, financiar um imóvel sendo trabalhador autônomo se tornou algo completamente possível nos dias de hoje.

Como financiar um imóvel sendo autônomo?

O financiamento de um imóvel envolve diversas etapas importantes, que consistem no envio de documentos e também em uma análise aprimorada do seu perfil como cliente. 

Com isso, para conseguir viabilizar esse processo no caso de pessoas que trabalham por conta própria, é necessário:

  • Ter uma conta corrente, de preferência na instituição financeira onde pretende realizar o financiamento;
  • Comprovar renda;
  • Fazer a apresentação do DECORE.

O banco pode exigir ainda alguma outra documentação para dar seguimento ao processo. Por isso, antes de qualquer coisa é necessário consultar as normas da instituição escolhida.

Após a finalização dessa etapa, a análise de crédito será iniciada. Esta terá como objetivo verificar o perfil do cliente, se existe alguma pendência e afins. 

Além disso, esta terá como finalidade também definir o valor a ser liberado para o financiamento, taxa de juros e também qual é o prazo para quitação.

Como comprovar renda sendo autônomo?

O principal ponto a ser tratado quando se trata de saber como financiar um imóvel sendo autônomo é justamente a comprovação de renda. 

Este é considerado como um dos fatores mais importantes, uma vez que esta funciona como uma garantia de que o interessado na compra terá condições suficientes para pagar as parcelas em dia. 

É justamente por esse motivo, que trabalhadores que trabalham sob regime CLT conseguem ter o seu financiamento aprovado mais facilmente que os demais. No entanto, este não deve ser considerado como um empecilho para que autônomos consigam realizar a compra de seu imóvel através desse processo. 

A seguir, veremos de que maneira é possível comprovar a renda em casos como esse:

Declaração de Imposto de Renda (IR)

A declaração do Imposto de Renda, realizada anualmente, é considerada como uma das principais formas de se comprovar um faturamento. 

Praticamente todas as instituições financeiras aceitam esse tipo de documento, mesmo em casos onde o trabalhador é isento do pagamento deste imposto. Sendo assim, sempre mantenha essa declaração atualizada.

Extratos bancários 

Uma forma mais simples de se comprovar a sua renda mensal é através dos extratos bancários. 

No entanto, caso opte por essa estratégia é muito importante tomar cuidados como não utilizar o limite do cheque especial da instituição e ainda concentrar toda a sua renda em uma só conta.

Recibo de pagamento autônomo 

Outra forma viável é através do Recibo de Pagamento de Autônomo (RPA). Neste caso, essa é a opção mais indicada para quem atua como pessoa física. 

Assim, este documento tem como função comprovar a prestação de serviço para terceiros, sejam eles pessoas físicas ou jurídicas.

Instituições bancárias que financiam imóveis para autônomos

Caixa Econômica Federal 

A Caixa é um dos bancos mais indicados quando se trata de financiamento de imóvel, inclusive quando se trata de profissionais autônomos. 

Os únicos requisitos necessários para dar andamento no processo é que o indivíduo possua conta corrente na instituição e que toda a sua documentação esteja em ordem.

O modelo de negócio oferecido por eles leva em consideração a renda e o perfil do imóvel que será comprado. Além disso, eles contam com uma das menores taxas do mercado e um prazo de parcelamento de até 35 anos.

Bradesco 

Outra instituição que permite o financiamento de uma propriedade para trabalhadores autônomos é o Bradesco

Ele possui uma taxa de juros razoável, além de um prazo de 30 anos para o pagamento das parcelas, sendo que este pode ser estendido por 35 anos em alguns casos. Além disso, todo o planejamento é feito para que o contratante possa ter tranquilidade durante todo o processo.

Banco do Brasil 

Por fim, o Banco do Brasil também é uma instituição financeira que também permite que autônomos possam financiar o seu imóvel de maneira simples e com condições atrativas. 

O prazo máximo oferecido para o pagamento também é de 35 meses e as taxas de juros também são consideradas como uma das mais baixas do mercado.

Conte com a Agenciou

Como podemos ver, saber como financiar um imóvel sendo autônomo, é algo que envolve algumas etapas. Porém, devemos salientar que conseguir realizar a compra de uma propriedade dessa forma é totalmente possível.E se está à procura da casa ou apartamento perfeito para você, a Agenciou é com certeza é a melhor opção. Nós contamos com os melhores imóveis na região de Porto Alegre, São Paulo e São José dos Campos, permitindo que você entre em contato com as melhores opções disponíveis no mercado.

Facebook Comments

[wpdevart_facebook_comment/* Para remover esta mensagem, instale e configure o plugin Facebook Comments WordPress (https://wordpress.org/plugins/comments-from-facebook/) em "Plugins > Adicionar Novo" */]