O que faz um corretor imobiliário?

Tempo de leitura: 6 minutos

A finalidade de um corretor imobiliário é bem simples e complexa ao mesmo tempo: vai desde a captação de imóveis disponíveis para a venda, ou locação, e de compradores em potencial, passa pelo auxílio a esses vendedores ou compradores em todo o processo e finaliza com a assinatura do contrato e fim das negociações.

Para que alguém possa exercer essa profissão e cumprir com toda as funções de um corretor de imóveis, é necessário que esse tenha um registro junto ao Conselho Regional de Corretores de Imóveis, conhecido popularmente como CRECI.

Apesar de ser de fácil entendimento, a finalidade de um corretor de imóveis e tal profissão ser amplamente conhecida, existem vários detalhes acerca dessa profissão que serão melhores pontuados agora!

Quem é o corretor imobiliário?

A compra e venda de qualquer imóvel necessita que haja uma dedicação especial. Tal dedicação é necessária tanto para ofertar determinado bem ao mercado, como também para apresentá-lo aos interessados.

Quando tratamos de um bem que possui um valor tão elevado e dezenas de detalhes que precisam ser revisados, como um imóvel, essa dedicação precisa ser ainda maior. Nessa situação o corretor imobiliário se mostra extremamente indispensável!

Além do corretor imobiliário ser quem promove a aproximação entre as partes, ele, por ser especialista em transações imobiliárias, auxilia o cliente fornecendo todas as informações necessárias durante a negociação a fim de evitar desentendimentos futuros e garantir uma maior segurança. Ainda, o corretor é responsável por prospectar novos imóveis e compradores em potencial.

Apesar de grande parte do trabalho de um corretor imobiliário se focar nas transações de venda e locação, a função desse profissional não se resume a isso.

Os corretores também são responsáveis por cuidar de detalhes jurídicos e burocráticos. Ou seja, a função de um corretor imobiliário vai desde a captação de imóveis disponíveis para a venda, ou locação, e de compradores em potencial, passa pelo auxílio a esses vendedores ou compradores em todo o processo e finaliza com a assinatura do contrato e fim das negociações com ambas as partes satisfeitas, na maioria das situações.

A profissão se popularizou por possibilitar horários flexíveis de trabalho e por permitir atuação de forma independente, como liberal autônomo.

Apesar de não ter um salário fixo, quando atua como autônomo, por exemplo, o corretor imobiliário ainda tem bons ganhos devido às comissões.

ganhos de um corretor imobiliário

Quais as funções de um corretor?

De acordo com o Decreto nº. 81.871, em resumo, são estas as funções do corretor de imóveis:

1- Manter-se atualizado acerca do perfil do mercado imobiliário;

2- Avaliar com exatidão o imóvel evitando assim a chamada especulação imobiliária;

3- Firmar contrato relativo à sua prestação de serviço;

4- Acertar preço e condições da transação;

5- Checar a veracidade e a validade dos documentos do imóvel e do vendedor, e repassar as informações para o comprador;

6- Agendar visitas ao imóvel, mostrando-o ao cliente;

7- Prestar, espontaneamente, todas as informações a todo cliente que queria investir em imóveis.

8- Zelar e cumprir o Código de Ética da classe;

9- Reunir informações detalhadas sobre compra, venda, locação etc.;

10- Responder civil e penalmente por atos que causem algum dano ao comprador, que tenham sido causados por imperícia, imprudência, negligência ou infrações éticas

o que faz um corretor imobiliario

Onde o corretor imobiliário atua?

Como dito anteriormente, o corretor de imóveis pode atuar de maneira autônoma, mas também pode escolher várias áreas diferentes.

O profissional pode atuar em imobiliárias, com venda e locação de imóveis, na área de administração de condomínios e pode fazer avaliação imobiliária.

O corretor pode também, se especializar em alguns segmentos de imóveis, como por exemplo, comerciais, hotéis, rurais, residenciais, lançamentos de empreendimentos, construções para quem tem animais de estimação, coworkers, locação de fazendas, providência de documentação dos imóveis e, pode também, atuar no mercado internacional.

Como posso ser um corretor imobiliário?

Devido à complexidade das funções que devem ser exercidas pelo corretor imobiliário, e que serão melhor pontuadas e explicadas à frente, a profissão é regulamentada e tem uma série de exigências para poder ser exercida.

Àqueles que têm interesse em se tornar corretor de imóveis precisam concluir o ensino médio, se formar em um curso especializado e se registrar no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI).

Além da especialização necessária para a área e do registro no CRECI, o profissional precisa ter algumas características que o farão se destacar ainda mais na profissão.

Tais características são: paciência; boa comunicação; persuasão; resiliência; habilidades em vendas e negociação; domínio sobre aspectos financeiros e jurídicos; autoconfiança; honestidade; possuir visão de empreendedorismo; responsabilidade, entre outros.

CRECI e CONFECI

O CRECI, Conselho Regional de Corretores de Imóveis, está presente em todos os estados brasileiros. Ele é um órgão regulamentador da profissão de corretor de imóveis. Após concluir sua formação, você deve ir ao CRECI de sua região e dar início no processo de emissão do registro profissional, designado como Pedido de Inscrição de Pessoa Física.

A documentação necessária pode sofrer variações dependendo do estado, mas, geralmente é necessária a apresentação de documentos básicos como, RG, CPF, comprovante de conclusão do ensino médio, entre outros.

Ainda, existe o CONFECI, Conselho Federal de Corretores de Imóveis. Esse órgão, além de regulamentar a profissão e fiscalizar os órgãos regionais, também mantém acordos com outros países como Portugal, México e Estados Unidos, o que possibilita os corretores imobiliários trabalharem em âmbito internacional.

CONCLUSÃO

É importante o bom funcionamento de todos os órgãos reguladores para que a profissão de corretor imobiliário consiga exercer todas as suas funções com excelência.

Além do bom funcionamento de todas as instituições, foi apresentada, também, a necessidade de algumas características como a responsabilidade, a capacidade de argumentação e negociação e a capacidade de uma boa leitura acerca do mercado imobiliário para que a finalidade do corretor imobiliário seja alcançada.

E também, é imprescindível a consciência acerca de suas funções e obrigações mais gerais que estão dispostas no Decreto nº. 81.871 tais como reunir informações detalhadas acerca da venda, aquisição, locação etc para informar ao cliente; examinar minuciosamente toda a documentação do imóvel; agendar visitas ao imóvel e apresentá-lo para os clientes; orientar os clientes que desejam realizar investimentos em imóveis; cuidar de demandas burocráticas e jurídicas, entre outras.

Esperamos ter respondido todas as suas dúvidas relacionadas aos nossos amigos corretores, você está procurando um corretor para vender seu imóvel? Que tal em vez de um, ter milhares de corretores divulgando seu imóvel? Conheça a Agenciou!


Facebook Comments

[wpdevart_facebook_comment/* Para remover esta mensagem, instale e configure o plugin Facebook Comments WordPress (https://wordpress.org/plugins/comments-from-facebook/) em "Plugins > Adicionar Novo" */]